Transportes e Mobilidade

A Câmara Municipal da Ribeira Grande está a desenvolver um Plano de Mobilidade Sustentável para o seu território, no qual a componente da mobilidade elétrica deverá assumir uma importância acrescida.

Na área da mobilidade sustentável, os Açores já possuem um Plano de Mobilidade Urbana Sustentável, o qual estabelece a estratégia para a promoção da mobilidade urbana sustentável na região. De facto, este plano apresenta um conjunto de ações que integram seis objetivos operacionais:

  • Melhoria do serviço de transporte público de passageiros;
  • Incremento dos modos suaves, particularmente em contextos urbanos;
  • Reforço da intermodalidade;
  • Adoção de sistemas de informação aos utilizadores;
  • Incentivo à mobilidade elétrica;
  • Gestão do estacionamento;

Algumas das ações propostas referem-se explicitamente ao concelho de Ribeira Grande, como sejam:

  • Equacionar a introdução de linhas municipais de mini-autocarros assegurando a ligação entre as várias localidades do concelho;
  • Reabilitação e requalificação da marginal de Ribeira Grande, componente pedonal e componente de rede ciclável;
  • Requalificação de vias com implicações na infraestrutura pedonal e ciclável da vila de Rabo de Peixe;

Adicionalmente, há ainda três outros planos que devem ser tidos em consideração durante a elaboração do plano de mobilidade sustentável de Ribeira Grande, à luz da metodologia para a determinação do mérito dos projetos a candidatar, em fase posterior, a fundos comunitários:

  • Plano Integrado dos Transportes dos Açores (PIT Açores) – onde o Governo da Região definiu, como grande desígnio para os próximos anos, a excelência operacional, tendo definido os eixos de ação que, na sua visão, permitem a efetiva coordenação entre os vários meios de transporte;
  • Plano Integrado de Regeneração Urbana Sustentável (PIRUS) – onde o Município definiu a estratégia e o conjunto de operações de regeneração urbana a desenvolver na cidade da Ribeira Grande, passíveis de financiamento comunitário no âmbito do Açores 2020;
  • Plano para a Mobilidade Elétrica nos Açores (PMEA 2018-2024) – onde, entre outros aspetos, se apresenta um conjunto de medidas a implementar, resultantes dos diagnósticos efetuados, e que devem ser adaptadas em função da evolução registada.

Em resultado do estudo que se propõe desenvolver, serão sistematizadas propostas com o objetivo de operacionalizar, no terreno, a estratégia de mobilidade a desenvolver, e na qual serão integradas as preocupações e propostas decorrentes dos estudos de referência já existentes.

X
X