Museu Municipal

O Museu Municipal da Ribeira Grande encontra-se instalado no antigo Solar de São Vicente Ferreira (ou Ferrer), na rua homónima, na freguesia da Matriz. Assumindo um carácter de instituição polinucleada, o Museu Municipal, encontra-se inserido na Rede Portuguesa de Museus (RPM), integrando um conjunto de unidades museológicas autónomas: Núcleo – Museu da Emigração Açoriana, Núcleo – Casa do Arcano e Núcleo – Museu Vivo do Franciscanismo.

A missão do Museu Municipal passa pela investigação, interpretação, conservação, divulgação e comunicação dos testemunhos da cultura tradicional ribeiragrandense e micaelense.

O acervo do museu é composto, essencialmente, por coleções de cariz etnográfico que abrangem variados aspetos sociais, económicos e culturais que permearam o quotidiano da história do concelho da Ribeira Grande. Deste modo, encontram-se expostas permanentemente no Museu Municipal as coleções dos ofícios tradicionais (cantaria, carpintaria, sapataria, tecelagem, chapelaria, barbearia, tipografia e adega/lagar), fruto de doações e aquisições por parte do museu; a coleção do Presépio Movimentado do Prior Evaristo Carreiro Gouveia, o mais antigo presépio movimentado dos Açores; a coleção da cozinha tradicional, que tenta reproduzir uma cozinha tradicional de uma casa senhorial micaelense; a coleção da farmácia Vieira & Botelho, oriunda de Ponta Delgada, com caraterísticas de Arte Nova; a coleção de azulejaria, que abrange os séculos XVI a XXI, composta por azulejos locais, regionais, nacionais e ibéricos; a coleção de arqueologia, composta por artefactos recolhidos nas escavações, efetuadas no ex-Mosteiro do Santo Nome de Jesus e em outros locais da cidade e, por último, a coleção de arte sacra, da qual se destaca dois elementos de feição barroca: o retábulo em cedro branco e imagem alada de São Vicente Ferreira, possivelmente, datada do final do século XVII.

O Museu Municipal possui duas salas de exposições temporárias que, ao longo do ano, acolhem produções artísticas de variadas temáticas e tipologias. O acervo em reserva é constituído por uma série de artefactos fruto, maioritariamente, de doações e aquisições. Todos os meses, o museu destaca uma peça deste espólio de forma a divulgar ao público um acervo que, em parte, foi adquirido através da comunidade, efetivando, assim, o seu papel de museu de identidade.

Enquanto organismo cientifico-cultural, esta instituição de memória procura salvaguardar e transmitir o património cultural material e imaterial do concelho da Ribeira Grande, preservando no tempo todo um legado que se perpétua na visita a esta casa, que, com este ensejo, abriu portas ao público no dia 29 de junho de 1985.

Informações Úteis

Morada: Rua São Vicente Ferreira, n.º 10, 9600-539 Matriz – Ribeira Grande

Telefone: 296 470 736

E-mail: museumunicipal@cm-ribeiragrande.pt

Tutela: Camarária

X
X